Podemos dizer que cliente que volta a ganhar peso é um dos maiores pesadelos dos nutricionistas! Certo? Mas o que Coaching Nutricional tem a ver com isso?

Saiba neste artigo como as técnicas de coach nutricional aplicadas ao protocolo de atendimento podem fazer o resultado dos pacientes mudar.

Sim, falamos do estilo de vida, da forma de encarar as coisas, como lidar com ansiedade e comer consciente.

Então vamos lá…

Quantas pessoas conseguem manter o peso depois de perder?

Uma estimativa revela que menos de 1 em 100 pessoas é bem-sucedida em conseguir manter o peso depois da perda.

A obesidade está crescendo em todos os países, mas nenhum país do mundo, nesses últimos 33 anos, conseguiu combatê-la.

Nesse sentido, o foco em estratégias para melhorar os comportamentos de saúde também aumenta, e milhares de diferentes dietas são criadas a cada ano.

Como mostra a figura abaixo, muitos fatores devem ser levados em consideração ao induzir a perda de peso, e se influenciam:

  • sociais,
  • bioquímicas,
  • hormonais,
  • fisiológicas,
  • psicológicas,
  • emocionais,
  • genéticas e epigenéticas
  • respostas individuais para treinamento,
  • fatores religiosos,

Choach_Nutricional_-_Fatores_que_influenciam_a_perda_de_peso

Então, quais são os conceitos básicos para uma perda de peso sustentável?

Para haver perda de peso sustentável e duradoura, são necessários sobretudo, a adoção e incorporação de novas rotinas.

Surpreendentemente o tratamento da obesidade não consegue sustentar a perda de peso, abrindo espaço para novas técnicas, não baseadas na prescrição dietética, como o Coaching Nutricional.

Se trata de um processo de parceria entre o coach e o coachee, no qual o profissional apoia o cliente e o ajuda a atingir seus próprios objetivos de melhoria do bem-estar.

Acima de tudo, atua facilitando o processo de aprendizagem ao mesmo tempo que é focado em metas e soluções.

Orientada e olhando para o futuro e não para o passado, como a psicoterapia, sempre pautada na conduta ética e seguindo o código de conduta do nutricionista.

Mas afinal, o que é coaching e como funciona o processo de Coaching Nutricional?

 

Em síntese, o processo de coaching nutricional começa com um profissional, com atitudes respeitosas e sem julgamento, que acredita que o cliente (não paciente, uma vez que ele também esteja ativo no processo) tem todas as respostas que precisa.

É só uma questão de entendimento e adaptação aos novos hábitos. Hábitos saudáveis, que carregam benefícios para vida.

Primordialmente funciona combinando teoria de psicologia positiva, entrevista motivacional, modelo transteórico de mudança de comportamento, perguntas abertas, escuta ativa.

Comunicação não violenta e ferramentas para mudança de comportamento.

Além disso, o processo encoraja o cliente a superar a resistência a mudança e transformar objetivos teóricos em ações práticas, passo a passo.

 

Como surgiu o Coaching Nutricional?

 

Antes de mais nada, o Coaching Nutricional surgiu como uma estratégia comportamental ao mesmo tempo que aplica técnicas de coaching de saúde e bem-estar para promover mudanças sustentáveis nos hábitos alimentares, como observado no estudo de Lancha Jr. (2018).

Esse estudo foi realizado com um homem de 42 anos de idade e empresário.

Nos últimos 7 anos ele foi submetido a diversas intervenções nutricionais a fim de modificar sua composição corporal.

De fato, conseguiu perder peso corporal, mas, foi recuperado em 2 a 6 meses.

Nesse sentido, só para ilustrar, apresentamos um exemplo das definições e objetivos nutricionais a partir do coaching a seguir:

Exemplo Prático: Como Definir os Objetivos Nutricionais a Partir do Coaching?

 

Coach: O que você gostaria de mudar nos seus hábitos alimentares?

Cliente: Eu gostaria de reduzir a quantidade de fritura que eu como.

Coach: O que você ingere hoje e o que você gostaria de mudar?

Cliente: Atualmente eu como fritura 1 vezes por dia e eu gostaria de reduzir para 2 vezes por semana.

Coach: Em uma escala de 0 a 10, o quanto você está confiante de reduzir esse consumo de 7 vezes para 2 vezes por semana?

Cliente: 7 para 8, por que realmente é importante para mim, e eu já fiz isso antes, então eu posso!

Percebam que no exemplo acima, o indivíduo declara estar cansado de perder e ganhar peso, além disso, ele quer perder e se manter no peso para o resto da vida, a partir de hábitos saudáveis.

No gráfico a seguir estão apresentados os dados após 6 semanas e 12 semanas de coaching nutricional, em relação a ingestão alimentar.

Pode-se observar uma redução, não só da ingestão de % de gordura, como também o aumento de percentual de proteína e carboidrato, atingindo a recomendação para esse indivíduo.

Choach_Nutricional_-_Fatores_que_influenciam_a_perda_de_peso-Macronutrientes

 

Além disso, foi observado alteração também na composição corporal conforme apresentado na figura a seguir:

Choach_Nutricional_-_Fatores_que_influenciam_a_perda_de_peso-Resultado-apos-12-semanas-de-choach

Também foi observado que o percentual de gordura foi reduzido, além do aumento da massa muscular.

Em conclusão:

 

Em síntese, mudanças no comportamento relacionados à saúde são fundamentais para redução de mortalidade e morbidades, e a estratégia de coaching nutricional irá encorajar o seu cliente a identificar suas necessidades e objetivos, colocando-o no controle de seu destino de saúde.

 

Referência Bibliográfica:

LANCHA JUNIOR, A. H.; SFORZO, G. A.; PEREIRA-LANCHA, L. O. Improving nutrition al habits with no diet prescription: details of a nutritional coaching process.
American Journal of Lifestyle Medicine, California, v.12, n.2, p.160-5, 2018.
NG, M. et al. Global, regional, and national prevalence of overweight and obesity in children and adults during 1980–2013: a systematic analysis for the Global Burden of
Disease Study 2013. The Lancet, New York, v.384, n.9945, p.766-81, 2014.
WOLEVER, R. Q. et al. A Systematic Review of the Literature on Health and Wellness Coaching: Defining a Key Behavior a intervention in Healthcare. Global Advances in
Health and Medicine, California, v.2, n.4, p.38-57, 2013.
DAYAN, P. H. et al. A New Clinical Perspective: Treating Obesity with Nutritional Coaching v. Energy-restricted Diets. Nutrition, Amsterdan, 2018.
MATARESE, L. E.; PORIES, W. J. Adult Weight Loss Diets: Metabolic Effects and Outcomes. Nutrition in Clinical Practice, California, v.29, n.6, p.759-67, 2014.
PEREIRA-LANCHA, L. O.; KALLAS, D.; DAYAN, P.H.; LANCHA JUNIOR, A. H.Técnicas de coaching de bem-estar na mudança do estilo de vida no sistema público de saúde. ESTUDOS AVANÇADOS v. 33, n.95, 2019.

WhatsApp Nutrir Educacional
Enviar